Almoços Carolina Michaëlis

Olá Pais,

Temos frequentado, com alguma assiduidade, o ‘Restaurante Michaelis’, com a cozinha entregue à Chefe Salomé, que nos tem deixado bastante felizes com a escolha. Se os nossos meninos não tivessem tanta pressa para brincar, também diriam que os almoços são impressionantes. Vejam!

Em janeiro foi assim…


“…comprovamos a qualidade da refeição  bem como o ambiente  escolar na cantina (organização e limpeza).
 A fotografia  que aqui deixamos representa a refeição  disponibilizada neste dia.”
Simone e Rui
Depois veio fevereiro

“… hoje eu (Jorge Peixoto) e o Rui (Cerqueira) almoçámos na cantina.

Não consegui consultar previamente a ementa, por isso poderei falhar aqui alguns dos ingredientes:
A sopa foi um creme de legumes, bem confecionado e saboroso, servido a uma boa temperatura.
O prato principal foi esparguete com hambúrguer que me pareceu de aves. Consistia em massa cozida e temperada com manteiga e orégãos; a carne foi estufada num molho de tomate, este era leve e com aromas predominantes de ervas. Tinham os seguintes legumes para acompanhar: couve rocha, tomate e salada de pimentos. De sobremesa estava disponível, tangerina, pêra e maçã. Tanto eu como o Rui experimentamos todos os elementos e ambos ficámos muito satisfeitos.
No que diz respeito às quantidades servidas, este pode ser o tema mais sensível. A quantidade servida foi adequada para dois adultos. Para crianças poderá ser demasiada (nomeadamente a quantidade de massa) ao passo que adolescentes poderão necessitar de um pouco mais. Todavia questionaram-nos se queríamos 1 ou 2 hambúrgueres, e reparei que o mesmo tinha sido questionado a todas as crianças em geral. Infelizmente alguns pratos voltaram para trás com demasiada comida que certamente irá para o lixo. Penso que as funcionárias não poderão fazer mais em relação a isto, terá obrigatoriamente que passar por uma maior sensibilização às crianças. Também é de relevo que muitas crianças não trouxeram sopa e a esmagadora maioria não tinha legumes no prato, mesmo havendo 3 variedades disponíveis. Colocar este alimentos como obrigatórias poderia ser útil, mas por outro lado poderia acarretar ainda mais desperdício alimentar.
A cantina encheu por volta das 13:30, mas houve uma boa resposta, não se registando demoras significativas.
Como notas finais, penso que muitas alunas e alunos não fazem uma alimentação muito adequada, apesar da disponibilidade da mesma por parte da cantina…”

Visitas à Cantina (1.º período)

cantina escolar escola educação
Durante os meses de outubro, novembro e dezembro foram realizadas quatro visitas à cantina da Carolina Michaëlis.
Ultrapassadas as dificuldades iniciais, o funcionamento da cantina aparenta estar agora normalizado, embora por vezes ainda se verifique a formação de filas de alguma extensão.
A qualidade da comida servida nos dias em que estivemos presentes parece-nos bastante aceitável.
Apreciação essa que, com excepção dos dias em que é servido peixe, é confirmada pelos resultados dos inquéritos aos utentes da cantina entretanto introduzidos por nós.
Parece-nos no entanto necessário continuar a sensibilizar os alunos para a importância de uma alimentação variada e sem excesso de sal e de açucar.
De destacar a presença de alunos e professores voluntários para reforço da equipa que está presente na cantina durante a hora de almoço.