Inspiração e informação para alunos do 12º ano na EBSCM

Projeto Inspiring Future - EscolasN-page-002

Promovida pela APAECM – Núcleo Escola Básica e Secundária Carolina Michaelis, pelo Serviço de Psicologia e Orientação do Agrupamento de Escolas Carolina Michaelis e com o apoio da Associação de Estudantes da Escola Básica e Secundária Carolina Michaelis realizou-se na manhã da passada terça-feira, dia 16 de Fevereiro, uma acção do projecto Inspiring Future da Associação Juvenil Inspirar o Futuro

Promover a capacitação dos jovens através da educação e desenvolvimento das suas capacidades pessoais e sociais por forma a alcançarem o seu potencial para a entrada no mercado de trabalho apresentando informação sobre o Ensino Superior e sobre o mercado de trabalho e auxiliando no processo de Acesso ao Ensino Superior foram os principais objectivos desta actividade

 

7_Programa_Carolina_Michaelis

Utilizando um modelo de “feira de ensino superior” realizada no espaço escolar, em parceria com instituições de ensino superior e empresas, desenvolveram-se durante uma manhã, em horário lectivo, palestras, workshops onde os alunos se podem inscrever consoante os seus interesses e uma feira .

Instituicoes_Inspiring_CAROLINAMICHAELIS

Os programa apresentado na EBSCM foi construído juntamente com a direção da escola e formalizado em Conselho Pedagógico como actividade constante do Plano Anual de Actividades de forma a envolver ao máximo a comunidade escolar nesta iniciativa. Conhecemos as dificuldades à presença dos Encarregados de Educação causadas pelo horário apresentado mas iremos tentar desenvolver uma actividade específica para estes

prop_activ_inspiring-page-001prop_activ_inspiring-page-002

Espaço de expositores: na sala do aluno, espaço ideal para este efeito, instalaram-se pequenos stands de parceiros do ensino superior português e estrangeiro. Os expositores estiveram disponíveis toda a manhã e, apesar de se tratar de uma actividade direcionada para o 3º ciclo, a afluência de alunos surpreendeu não só pelo numero mas também pelo interesse demonstrado pelos alunos de todos os ciclos de ensino presentes na escola. Mais uma vez nos ficamos a pensar na necessidade de realização deste tipo de actividades para os alunos do 2º ciclo mas com um âmbito mais vocacional
Sessão “Acesso ao Ensino Superior”: a equipa da “Inspirar o Futuro” colaborou durante vários anos num dos Gabinetes de Acesso ao Ensino Superior (GAES). Familiarizada com as dúvidas habituais sobre o processo de acesso auxiliaram os alunos do 12º ano,  através de uma linguagem simples e dinâmica, explicando como funcionam as candidaturas ao ensino superior e expondo também as diversas opções de saída pós-secundário
0002
Sessões “Ensino Superior”: divididas por quatro blocos temáticos, “Saúde”, “Ciências Sociais & Humanas”, “Ciências & Engenharias”, “Economia & Gestão”, os alunos puderam assistir a apresentações das ofertas educativas das instituições de ensino superior
Workshops: A dinâmica equipa de formadores da Inspirar o Futuro motivou os alunos através de dois workshops que incidiram nas vertentes – decisão e mercado de trabalho.
1. Workshop A melhor decisão é a tua: “o que vou fazer a seguir ao secundário? Será que estou a escolher bem?” Estas são algumas das perguntas que surgem no secundário. Focando vários aspetos importantes, com base num modelo de tomada de decisão vocacional, foram apresentadas formas de melhor decidir num mundo que exige flexibilidade e adaptação
0015
2. Workshop “Como sobreviver de salto alto e gravata?” : dicas práticas para começar já a pensar na preparação para o mundo do trabalho. Esperar para acabar o curso ou para quando a crise passar, é perder tempo e ficar para trás
0016
Foi sem dúvida uma manhã em cheio que não seria possível sem o trabalho da “Inspirar o Futuro” e da equipa do SPO do agrupamento
O nosso agradecimento a todos os que permitiram a realização desta mais valia aos alunos desta escola

Informação virus ZIKA

zika

O vírus Zika é um vírus transmitido por mosquitos, inicialmente identificado no Uganda, em 1947. Posteriormente, foi identificado em seres humanos, em 1952, no Uganda e na Tanzânia. Atualmente, têm-se registado surtos da doença por vírus Zika nas Américas, África, Ásia e Pacífico. Está ainda a ser investigada a possível associação entre a infeção por vírus Zika e a microcefalia diagnosticada em fetos e recém-nascidos, bem como com a associação entre esta infeção e o síndrome de Guillain-Barré.

Orientações e Documentação Técnica

  • Orientação nº 001/2016 de 15/01/2016 da Direção-Geral da Saúde – Doença por vírus Zika
  • Rapid Risk Assessment do ECDC – É expectável que novos casos de infeção por vírus Zika venham a ser notificados, em especial nas regiões onde o vetor está presente.  Também na União Europeia aumentou a probabilidade de surgirem casos  importados por viajantes que se desloquem às áreas afetadas. Está a ser estudada a potencial associação da infeção com o aumento do número de fetos e recém-nascidos com microcefalia, embora não esteja estabelecida uma relação causal entre estas duas situações.

Vigilância entomológica e epidemiológica

Recomendações para viajantes e grávidas

A principal medida de prevenção é a proteção contra a picada do mosquito. Assim a Direção-Geral da Saúde recomenda:

  • Antes do início da viagem procurar aconselhamento em Consulta do Viajante;
  • No país de destino seguir as recomendações das autoridades locais;
  • Assegurar proteção contra picada de mosquitos: Utilizar vestuário adequado para diminuir a exposição corporal à picada (camisas de manga comprida, calças); optar preferencialmente por alojamento com ar condicionado; utilizar redes mosquiteiras; ter especial atenção aos períodos do dia em que os mosquitos do género Aedespicam; aplicar repelentes observando as instruções do fabricante (fazendo notar que: crianças e mulheres grávidas podem utilizar repelentes de insetos apenas mediante aconselhamento de profissional de saúde; não são recomendados para recém-nascidos com idade inferior a 3 meses; se tiver de utilizar protetor solar e repelente, deverá aplicar primeiro o protetor solar e depois o repelente).
  • Especial atenção às grávidas que tenham permanecido em áreas afetadas, devendo consultar o médico de família ou o obstetra após o regresso, mencionando a viagem. Uma vez que está em investigação a possibilidade desta doença causar malformações em fetos, é recomendado que as grávidas não se desloquem, neste momento, para zonas afetadas. Caso tal não seja possível, devem procurar aconselhamento em Consulta do Viajante e seguir rigorosamente as recomendações dadas.

Está disponível, no Portal da Saúde, a lista dos Centros de Vacinação Internacional para informação e aconselhamento dos cidadãos que pretendam viajar  para fora da Europa. Inclui os contactos e respetivos horários de atendimento dos Centros de Vacinação Internacional em todas as regiões do País.

A Saúde 24 (808 242424) está disponível para aconselhamento.

Pedidos de informação ou esclarecimentos sobre vírus Zika deverão ser dirigidos à Direção-Geral da Saúde, através do email: zika@dgs.pt.

in Direção Geral de Saúde

formação – Fiscalidade para Associações de Pais

fiscalidade para associações de pais

Caros parceiros, pais e encarregados de Educação

A gestão do capital humano e financeiro das Associações de Pais é um dos maiores desafios que se lhes coloca. Desta forma, a formação ao nível das competências dos órgãos de gestão para os conhecimentos necessários á devida legalidade fiscal e organização internas revelam-se fundamentais para o seu bom funcionamento.

A APAECM – Associação de Pais e Encarregados de Educação do Agrupamento de Escolas Carolina Michaёlis, num esforço de melhoria dos serviços prestados como agente impulsionador dos mecanismos de participação dos pais e encarregados de Educação sentiu / sente necessidade de se formar / informar.

Neste âmbito, dentro do nosso plano de actividades e do projecto A ESCOL(h)A, vamos realizar no próximo dia 18 de Abril das 09:00 ás 13:00h , com o apoio da CONFAP, uma ação de formação dirigida a Órgãos Sociais de AP´s mas aberta a todos os que se lhe queiram juntar. Com o tema ” Fiscalidade para Associações de Pais ” esta ação de formação é gratuita mas por razões logísticas com inscrições limitadas e obrigatórias.

Pretendemos também criar neste mesmo dia um espaço de partilha sobre a situação actual das AP´s pelo que contamos desde já com a vossa presença.

Eventbrite - A ESCOL(h)A - Formação em Fiscalidade para Associações de Pais / DEBATE

OBJECTIVOS

Objectivos Gerais:

No final da formação, os formandos deverão ser capazes de conhecer as necessidades de organização contabilística e obrigações declarativas de uma AP;

Objectivos Específicos:

Adquirir noções básicas de organização contabilistica; Deter conhecimentos de obrigação declarativa

DESTINATÁRIOS

Esta formação destina-se a TODOS os voluntários que exercem actividade em Orgãos Sociais de AP´s.

DURAÇÃO

3,5 horas

DATA

Sábado, 18 de Abril de 2015

LOCAL

Escola Básica e Secundária Carolina Michaёlis, Auditório 0.3

CRONOGRAMA

09:00

Recepção / Pequeno-almoço

09:30 – 11:00

Organização Contabilistica das AP´s

Obrigação declarativa das AP´s

Casos práticos

11:00 – 11:30

Pausa para Café

11:30 – 13:00

Debate –  Associações de pais, o “estado da arte”

13:00 – Encerramento e entrega de declarações de frequência

FORMADORES

José Manuel Pinto de Sá

MODERADOR

Armando Vasco Costa

CERTIFICAÇÃO

Declaração de frequência Sem mais de momento … até dia 18

Porque ainda é Dia do Pai: 36 coisas que estão a dar cabo do seu filho

DIA DO PAI ESCOLA EDUCAÇÃO

Aqui não há sugestões de presentes. Há uma lista que mostra que, faça o que fizer enquanto pai, está a arruinar a sua criança. Fixe bem e, depois… esqueça! Ninguém lhe diz como amar o seu filho!

1 – Está a estragar o seu filho com os alimentos que lhe dá
2 – Está a estragar o seu filho com os alimentos que lhe recusa
3 – As discussões sobre a comida também estão a estragar o seu filho
4 – Se não arranjar uma boa rotina de sono, o seu filho vai ter problemas a vida toda
5 – Se deixar o seu bebé chorar, vai ficar traumatizado para sempre
6 – Se deixar o seu bebé decidir quando quer dormir, vai sentir-se inseguro porque nenhum adulto lhe impôs limites
7 – Os bebés devem dormir na cama dos pais para se sentirem amados
8 – Os bebés devem dormir ao lado da cama dos pais, para estarem seguros
9 – Os bebés devem dormir no seu próprio quarto para se tornarem independentes e entrarem numa boa faculdade
10 – Não use um carrinho. Os bebés precisam de contacto próximo. As suas costas recuperam em cinco anos
11 – Banho só com produtos sem parabenos, sem sabão, sem perfume. Não muito quente. Nem muito frio.
12 – Biberões só sem BPA
13 – A forma como dá o biberão é que está a provocar todas as cólicas
14 – O biberão é que está a provocar as cólicas. Devia ter sido amamentado
15 – A ansiedade da mãe é que está a provocar as cólicas. Porque não consegue acalmá-la?
16 – Está a sobreestimular o seu bebé e a dar-lhe demasiadas atividades
17 – Está a negligenciar o seu bebé e não o expõe a atividades suficientes
18 – Não está a dar espaço e tempo suficiente para a sua criança desenvolver a imaginação
19 – Não está a deixar o seu filho correr riscos suficientes
20 – O seu filho corre claramente perigo!
21 – Não deixa o seu filho sujar-se
22 – O seu filho precisa mesmo de um banho
23 – Não lê o suficiente ao seu filho
24 – Não lê as cosias certas ao seu filho
25 – Não tem jeito nenhum para fazer vozes e enquanto lê ao seu seu filho
26 – Aquela maneira de lidar com a birra… totalmente errada!
27 – Acabou de ensinar ao seu filho que o mau comportamento merece recompensa
28 – Ignorou aquela birra e assim mostrou-lhe o ama apenas quando se porta bem
29 – Pôs o seu filho de castigo? A sério? O que se passa consigo?
30 – É um pai permisssivo. Ninguém o respeita, nem o seu filho
31 – Não está a dar o exemplo
32 – O que lhe disse foi a última coisa que poderia ter dito
33 – Pôs o seu filho no infantário
34 – O seu filho não é sociável porque não andou no infantário
35 – O seu filho vê televisão a mais. A culpa das birras deve ser isso
36 – Em idade alguma o deixe aproximar-se do Google, não vá descobrir esta lista e perceber como teve um péssimo, péssimo pai e aí sim, ficar traumatizado

in VISÂO

Palestra … Educação e Ensino: Semelhanças e Diferenças

Educação e Ensino: Semelhanças e Diferenças'

No âmbito do ciclo de palestras organizado pela Associação de Pais da Escola Secundária Aurelia de Sousa, no próximo dia 12, pelas 18h45, o prof João Lopes, Mestre em Psicologia da Educação e do Desenvolvimento e da Educação da Criança, vai orientar uma palestra sobre ‘Educação e Ensino: Semelhanças e Diferenças’, um tema atual e do maior interesse para toda a comunidade educativa.

Educação e Ensino: Semelhanças e Diferenças'
Educação e Ensino: Semelhanças e Diferenças’